O que comer antes e durante a prova para ajudar na concentração; veja dicas

O que comer antes e durante a prova para ajudar na concentração; veja dicas
19 de outubro de 2019 Comentários desativados em O que comer antes e durante a prova para ajudar na concentração; veja dicas Sem categoria Administrador

Além dos estudos, os candidatos que se preparam para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) podem contar com uma ajudinha extra para um bom desempenho nos dias da aplicação da prova: a alimentação saudável. De acordo com o professor de nutrição, Rodrigo Dutra, da Paraíba, um cardápio equilibrado antes e no dia do exame ajuda diretamente na concentração dos estudantes.

Segundo Rodrigo, “muitas pessoas esquecem de associar uma boa alimentação ao desempenho de uma prova, tanto ela de esforço físico, quanto uma prova cognitiva, como a do Enem”, o que pode trazer resultados negativos na hora da realização do exame. “É muito importante ter uma alimentação rica em frutas, vegetais, carnes leites e derivados”, ressaltou.

O professor explica que o principal benefício de uma rotina alimentar balanceada para quem vai fazer uma prova, é que o candidato não terá uma carência de vitaminas, minerais e de outros nutrientes.

“Já se é comprovado que diversas vitaminas e minerais, quando em excesso ou em falta, podem causar déficit no nosso corpo”, enfatizou o professor, acrescentando que “quem tem uma deficiência de ferro, por exemplo, geralmente tem anemia, e com isso tem uma dificuldade no processo de aprendizado”.

Rodrigo Dutra orienta aos estudantes que se preparam para o Enem – e que ainda não tenham uma rotina de alimentação saudável – que iniciem o quanto antes. Junto à mudança alimentar, é indicado praticar atividades de recreação. “Essas mudanças devem ser intensificadas perto da prova”, ressaltou.

Açúcar como vilão

É comum que os estudantes levem ‘lanchinhos’ para se saciarem durante a prova. Nesses casos, o nutricionista alerta que alimentos ricos em açúcar e sal devem ser evitados.

“O chocolate, por exemplo, ele dá um pico de saciedade porque o açúcar vai entrar rápido no sangue. Depois disso, esse pico vai cair, prejudicando diretamente a concentração do candidato […] o corpo relaxa, ele fica fatigado”, explicou Rodrigo.

A indicação é que os doces sejam substituídos por opções mais leves, como castanhas e amendoins, além das famosas barrinhas de proteína e cereal. É importante lembrar, também, da hidratação. Nosso cérebro precisa de água para fazer todo o processo fisiológico”, finalizou.

WhatsApp Chama no WhatsApp